domingo, 28 de junho de 2009

Filosofia de rua

4 comentários:

Crown of Love disse...

Pois que muitas vezes penso...lá está...que o melhor mesmo é em certas alturas simplesmente não pensar...e noutras fingir que não se existe...

Filipa Júlio disse...

and that is that!
excelente.

Isabel disse...

Também gosto de uma filosofia mais caseira, tipo, existo mas não penso. Às vezes é bom não pensar...

adevidacomedia disse...

Gosto de andar por aqui!
Adorei esta filosofia de rua.